Você sabia que existe uma série de certificações voltadas para oficinas mecânicas? Basicamente, são garantias que empresas certificadoras fornecem para os estabelecimentos que executam determinadas atividades sob a forma de procedimentos preestabelecidos.

As certificações mostram ao público-alvo da sua oficina, bem como ao mercado, de modo geral, que a empresa se preocupa com a qualidade e a garantia de eficiência dos serviços executados por ela.

Então, que tal conhecer um pouco mais sobre essas certificações e o que você pode fazer para ser certificado? É exatamente sobre isso que vamos tratar neste artigo. Então, leia-o até o final e veja como funcionam os processos!

ISO 9001

A ISO 9001 é a certificação que determina os padrões de qualidade nas atividades realizadas pela empresa. O seu objetivo é garantir que os processos empresariais sejam realizados de acordo com determinados procedimentos, de modo a garantir a qualidade nos produtos e serviços que são oferecidos ao cliente, bem como o atendimento.

Por ser uma certificação que atinge diretamente as operações da empresa, ela é a mais requisitada e, consequentemente, a mais conhecida entre todas as outras, além de ser aplicável em muitos tipos de atividades diferentes.

Apesar de o conceito da ISO 9001 ser muito simples, para conseguir a certificação não é nada fácil: o processo pode ser bastante demorado e requer uma série de análises e mudanças na forma de trabalho dos funcionários de uma empresa.

Apesar de ser mais complexa, essa certificação proporciona benefícios reais em pouquíssimo espaço de tempo, entre os quais podemos destacar:

  • melhoria na metodologia de trabalho;
  • aumento na eficiência de alguns processos, evitando desperdícios e aproveitando melhor os recursos disponibilizados para a execução das atividades;
  • melhora na gestão, uma vez que possibilita um acompanhamento mais próximo de todos os processos;
  • aumento no grau de satisfação dos clientes;
  • melhora na imagem da sua oficina mecânica frente ao mercado, tendo em vista que uma empresa que passa por um processo de certificação tende a ter um padrão de qualidade diferenciado das demais.

Qualificação de mecânico de manutenção

A qualificação de mecânico de manutenção, ao contrário da certificação anterior, trata-se de uma específica para o ramo de oficinas mecânicas.

Ela foi instituída com a Norma Técnica número 15.681/2009, publicada pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Essa certificação tem por objetivo padronizar o trabalho realizado por profissionais da área de mecânica automobilística.

ISO/TS 16949

A ISO/TS 16949 ainda não é muito conhecida. Ela tem por objetivo alinhar os padrões de qualidade da indústria automotiva de países como os Estados Unidos, Alemanha, Inglaterra, Itália e França com o que é realizado no Brasil.

Os requisitos específicos dessa certificação interferem diretamente no modo como os veículos são produzidos em território nacional, bem como nas formas de manutenção e revisão. Desde a sua criação, em 1999, a ISO/TS 16949 já emitiu mais de 47,5 mil certificados em diversos países do continente americano e europeu.

O conceito ISO passa certa credibilidade para os clientes de uma empresa, portanto, com a ISO/TS 16949 isso não poderia ser diferente. Afinal, ela garante que os procedimentos realizados em países onde o setor automobilístico é muito avançado também são executados no Brasil.

Certificação em reparação de transmissões mecânicas e automáticas

O Instituto de Qualidade Automotiva (IQA) lançou uma certificação em reparação de transmissões automáticas e mecânicas no Brasil recentemente. Tal qualificação tem base na NBR 15.760, que estabelece os critérios de inspeção, reparação, diagnósticos e substituição de transmissões.

Assim como ocorre em outros tipos de cerificação, essa não fica para trás em termos de exigências de padrões e procedimentos. Afinal, o IQA quer que seja comprovada a habilidade de tal oficina mecânica que pretende candidatar-se à certificação.

Além disso, a oficina deve estar tecnologicamente preparada para receber esse tipo de qualificação, já que a indústria automobilística evoluiu muito nos últimos anos e novos processos surgiram.

ISO 14001

A ISO 14001, assim como a 9001, não é uma certificação direcionada apenas para empresas do ramo de oficinas mecânicas. No entanto, ela pode ser uma excelente oportunidade para mostrar ao mercado que a sua empresa se preocupa com as questões ambientais.

Essa certificação garante que a empresa está consciente dos impactos ambientais que ela causa. Ela pode ser obrigatória em alguns casos onde há o descarte de alguns materiais que podem oferecer danos à natureza local.

O processo de obtenção da ISO 14001 pode ser bastante complexo, dependendo do local onde sua oficina está situada, bem como das questões ambientais que o cercam. Portanto, mesmo que você ainda não tenha a certificação ou mesmo nem queira ou precise dela, é importante ter o máximo de cuidado com o meio ambiente, independentemente se você vai ou não passar por um processo de auditoria por uma certificadora.

OHSAS 18001

Também relacionada às certificações que não são específicas para oficinas mecânicas, mas essenciais para o seu desenvolvimento, a OHSAS 18001 é uma qualificação que garante que as condições de saúde e segurança do trabalho estão sendo cumpridas.

Ela mostra à sociedade que a sua empresa está preocupada em garantir as melhores condições de trabalho possível para os seus colaboradores, além de mostrar aos seus funcionários o quanto eles são importantes.

Muito além de mostrar que tem uma certificação, a OHSAS proporciona aos seus funcionários uma maior segurança no desenvolvimento de suas atividades. Afinal, eles são a peça mais importante do quebra-cabeça da gestão de um negócio.

Qualificações específicas

Além dessas certificações mais famosas, também existem aquelas mais específicas, que têm por objetivo qualificar a empresa e seus funcionários em atividades características do ramo de oficinas mecânicas.

Entre elas, podemos destacar cursos nas mais variadas áreas, como injeção eletrônica, módulos diesel, funilaria e pintura, alarmes e imobilizadores, sistema elétrico automotivo, parte hidráulica, entre outros.

Por fim, é importante que o gestor de uma oficina mecânica abra os olhos para as certificações e veja que esse tipo de processo é muito benéfico à sua empresa e gerará resultados expressivos em longo prazo.

Gostou deste artigo? Ficou com alguma dúvida ou tem algo a contribuir com este post? Então, deixe um comentário logo abaixo. Sua opinião é muito importante para nós!