Não há como fugir: a população está cada vez mais preocupada com o meio ambiente e com formas de diminuir a poluição. Uma prova disso é o Programa para Melhoria da Manutenção dos Veículos Diesel (PMMVD) — ótima alternativa para reduzir os poluentes, que promete ganhar ainda mais espaço nos próximos anos.

E aí, não sabe o que esse programa significa e quais impactos pode trazer? Então, continue lendo este post para entendê-lo melhor e saber como ele interfere na preservação do meio ambiente! Vamos lá? Confira:

O que é o PMMVD, afinal?

Grosso modo, o Programa para Melhoria da Manutenção dos Veículos Diesel (PMMVD) tem o objetivo de padronizar a reparação dos veículos a diesel. Tudo acontece por meio da reparação automotiva, um serviço ligado à regulagem dos motores e a outros detalhes relacionados ao funcionamento do veículo.

É isso mesmo: a manutenção consegue fazer com que qualquer alteração seja percebida com mais facilidade e, por conta disso, que os motores funcionem sem emitir tantos gases. Essa é uma das maneiras mais eficientes de controlar a qualidade dos motores e, por consequência, melhorar a qualidade do ar.

No final das contas, ele representa uma redução do nível de emissão de poluentes e a regulagem dos veículos em circulação. Assim, como você deve imaginar, se trata de um ponto muito positivo e de preservação do meio ambiente.

O Programa cresceu muito nos últimos anos, e passou por frequentes reformulações para conseguir atender todos os pontos de atuação. E a tendência é que ganhe cada vez mais força.

Por que a medida é tão importante?

A forma mais simples e reconhecida de comprovar para o mercado e outros órgãos reguladores que você é uma pessoa engajada é por meio da Certificação Ambiental IQA — também conhecida como Selo Verde. Ele mostra que você é ambientalmente responsável, e que adota boas práticas.

Para quem não sabe, essas boas práticas analisadas pelo IQA envolvem a coleta seletiva dos resíduos, a área de concentração de produtos tóxicos e perigosos e uma caixa separadora de óleo. Mas essas são apenas algumas formas, e existem vários outros métodos que você pode adotar.

Como o Programa atua nos veículos diesel?

O meio de atuação mais comum envolve o Instituto de Qualidade Automotiva (IQA), pois ele é o responsável por certificar as empresas pertencentes ao Programa para Melhoria da Manutenção dos Veículos Diesel e outros programas sustentáveis.

A certificação é muito famosa, e acontece considerando três vertentes: uma retificação dos motores diesel, das oficinas de bombas injetoras e das oficinas de reparação dos veículos diesel independentes, de frotas e de rede.

Isso significa que quem tem esse tipo de certificação está mais preocupado com o meio ambiente. Além disso, somente adotando essas medidas é possível participar do PMMVD, que é um dos principais reconhecimentos disponíveis atualmente.

Para tanto, é fundamental que os proprietários estejam atentos e façam os reparos nos lugares certos. Quem foi autuado por emissão de poluentes, por exemplo, receberá uma multa e será notificado sobre os tratamentos que deve dar ao veículo. E aqueles que buscam uma dessas oficinas para realizar os reparos e continuar usando o veículo também saem na frente.

Assim, recebe-se o Relatório de Medição de Opacidade (RMO), podendo continuar trafegando com o veículo. Somado a isso, ainda se pode entrar com recurso para reembolso de 70% da multa, pois os veículos diesel devem andar dentro do padrão previamente estabelecido.

Como participar do Programa?

Bom, para participar do Programa de Melhoria da Manutenção dos Veículos a Diesel, as empresas interessadas devem entrar em contato com uma controladoria — sindicato ou associação do setor de transporte que oferecem suporte nesse sentido.

Então, estabelecido o contato, é fundamental se informar sobre o procedimento comum, a documentação necessária e outros detalhes. Dessa forma, você passará pela fiscalização de tempos em tempos, mas garantirá que está trafegando segundo as normas estabelecidas.

Como ocorrem as inspeções?

Felizmente, por conta do recente apelo por sustentabilidade, é natural que haja muitos envolvidos preocupados na melhoria da qualidade do ar. E, de fato, a lei e os projetos são muito bonitos — mas devem envolver uma fiscalização consistente para ter os resultados esperados.

As inspeções acontecem de forma mais sistemática na cidade de São Paulo, e tem trazido ótimos resultados. Inclusive, como seus benefícios são muito significativos, a medida ganhou força suficiente para ser inserida na legislação do próprio estado.

Nos últimos anos, ela foi responsável por diminuir a emissão de poluentes por meio de uma manutenção eficiente da frota que circula na cidade. Isso resultou na retirada de um número considerável de automóveis das ruas, que operavam de forma errada, aumentando, por consequência, o nível de poluição. E muitos desses veículos funcionavam a diesel.

Nesse sentido, ainda representa uma ótima alternativa de saúde pública. Isso porque a redução de poluentes tem uma relação direta com a mortalidade. Segundo dados da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), a redução de poluentes diminuiu também a mortalidade e morbidade.

Quais é a vantagem para as empresas?

Além da redução da multa que falamos acima — que já representa um ganho e tanto —, as empresas também colhem outros benefícios quando participam do Programa para Melhoria da Manutenção de Veículos Diesel. 

Afinal, essa é uma ótima forma de se posicionar como uma empresa consciente, engajada e preocupada em controlar os níveis de fumaça preta e ruídos. Para isso, elas podem contar com a ajuda de equipamentos especiais e assim contribuírem com a preservação ambiental. 

Acredite: ser reconhecida por fazer parte do programa pode colocar uma organização à frente de várias outras — o que pode fazer toda a diferença nos dias de hoje, não?

Enfim, depois de entender melhor sobre o Programa para Melhoria da Manutenção dos Veículos Diesel (PMMVD), ficou mais fácil entender a importância que ele tem para o meio ambiente, não é mesmo? Portanto, não deixe de seguir esses direcionamentos você também!

E, se gostou deste post, aproveite para curtir a nossa página no Facebook e acompanhe todos os nossos outros conteúdos sobre os cuidados com os veículos diesel!